Sem categoria

A importância da rotina

image

Planejar a rotina para seu filho é muito importante! Significa cuidar para não introduzir, desde cedo, o costume de uma vida atribulada, sem planejamento, sem organização, com tempo escasso para as relações e para os momentos de interação e troca.
Além disso, como lembra Sonia Madi – psicopedagoga – é importante deixar de lado o medo de colocar limites: “Dizer não é muito importante! É um fator estabilizador. Muitas vezes, se pensa que se está protegendo seu filho evitando o “não”, mas isso é um grande engano”. Mesmo os pais mais ausentes, que só conseguem estar com os filhos em poucos momentos do dia, devem estabelecer os limites, as regras da casa, e fazer com que sejam cumpridos. A rotina e os limites são estruturantes.
Para a criança o tempo é algo complexo. É através das suas rotinas que a ela antecipa o que irá acontecer e adapta o seu comportamento à tarefa seguinte. As rotinas transmitem segurança à criança, deste modo ela já sabe que no fim da escola a mãe a irá buscar, que antes de jantar deve tomar banho, que a hora das tarefas é muito importante, que precisa dormir cedo, etc.
As principais rotinas que se devem manter com as crianças são: horas de refeição; hora de deitar; hora de estudar; hora de brincar e tempos em família. E isso pode ser estabelecido junto com as crianças, de modo que elas se comprometam com aquelas atividades. Pode-se, inclusive, montar um quadro de rotinas em casa, que deve ser adequado para cada filho e suas atividades.
A rotina desorganizada, sem horários certos para cada coisa, irá gerar um adolescente e um adulto desorganizado, possivelmente descomprometido.
A organização das atividades diárias não impedirá que a criança desenvolva autonomia e criatividade. A coerência e a flexibilidade devem fazer parte do processo de estabelecimento das regras. Todavia a rotina é fundamental na formação de cidadãos responsáveis e confiantes. Sua ausência gera medo e ansiedade não somente nos pequenos como também nos adultos. Portanto criar rotinas é positivo e deve iniciar desde a mais tenra idade. Quando se estabelece os horários das mamadeiras, da sopinha, do solzinho do bebê, até o horário em que o adolescente deve por o lixo para fora, cuidar do cachorro, fazer a tarefa, jogar videogame, voltar para casa ou ir para a cama dormir; evita-se a formação de uma geração de jovens e adultos irresponsáveis, desorganizados e ansiosos. A educação permissiva e a suposta liberdade oferecida pela família não apresentam resultados positivos. Regras são essenciais e a rotina é referência na vida de crianças e adolescentes; porque direciona, organiza e equilibra suas vidas para mais tarde darem conta de seus compromissos tornando-se adultos mais bem sucedidos.

Texto escrito por Gabriela Camarotti
Fontes: Portal da Educação
​ Livros: A Construção da Identidade – CERISARA, Ana Beatriz

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s